pesquisar neste blog

quarta-feira, julho 23

Arcoxia ... Prexige (ANTIINFLAMATÓRIOS)

Estamos mais uma vez diante de uma situação problemática com antiinflamatórios. O Arcoxia (Etoricoxibe) e agora com um concorrente o Prexige (Lumiracoxibe). São medicamentos cuja diferença é apenas de moléculas modificadas. Porém, reações adversas têm comprometido sua comercialização o que isso vem a provocar questionamentos à população usuária dos mesmos, profissionais da saúde e a política nacional de comercialização dos laboratórios em questão. Depoimento: "Quando ouço e vejo comentários sobre a situação caótica da saúde e a incapacidade do Estado Democrático em aprimorar a qualidade na educação acadêmica dos profissionais, não só da Saúde, mas de todas as demais áreas eu fico preocupado, pois a confiança no sistema de governo vai se diluindo aos poucos. Vejam por exemplo o caso do antiinflamatório Arcoxia que acaba de ser ventilado parcialmente pela mídia e como sempre as nossas autoridades ficam divagando sobre o assunto. O alerta, felizmente, partiu da poderosa agência norte americana FDA ( Food and Drug Administration) proibindo o antiinflamatório “Arcoxia” em terras norte americanas, pois descobriram que o medicamento poderia causar em torno de 30 mil infartos por ano somente nos Estados Unidos. - No Brasil, pelo que foi exposto, em singelos poucos minutos dedicados pela mídia, o medicamento continuará a ser vendido. Neste caso eu pergunto a quem esses senhores representantes do povo estão representando? As transnacionais farmacêuticas? E a classe médica o que faz? - Muitos bacharéis em Medicina e Enfermagem acabam corroborando com essa situação, pois desconhecem os pareceres da Anvisa (Agência de Vigilância Sanitária). Há relatos de que alguns médicos acabam prescrevendo, por conta própria ou por engano, doses que extrapolam o prescrito na bula de determinados remédios. Esses casos poderão ser tipificados pelo Código Penal pátrio como negligência ou imprudência, além de contrariar artigos do Código de Defesa do Consumidor, Código de Direito Civil e o próprio Código de Ética desses profissionais. O detalhe é que muitos desses profissionais esquecem que estão lidando com seres humanos e não com coisas inanimadas, ou seja, a desumanização entre inúmeros profissionais vem sendo uma característica constante, além da falta de ética." Fonte:http://www.jurisway.org.br/

ESTAR BEM, PARA ESTAR DE BEM COM A VIDA

Uma reportagem na Globo mostrou que pessoas que vivem nas ruas da cidade de São Paulo, algumas dizem felizes, mesmo na condição material de pobreza. Estas pessoas procuram dividir o que têm, como alimentos, que vão recebendo de doações ou de qualquer outra origem com outros que vão chegando para viver à condição mais humilde de todas neste país.
Uns procuram ajudar cozinhando para os outros; já idosos ajudam a abrigar em seus barracos adolescentes, ou "adotá-los"; uns procuram criar animais de ruas como cachorros e assim vão levando a vida. Sonham um dia possuir novamente um lugar adequado para viver, mesmo alguns já estando nas ruas há mais de vinte anos.
A reportagem mostrou pessoas que já tinham sido entrevistadas e continuavam morando no mesmo lugar e outras que tinham desaperecido do local e que estavam em outros lugares.
Enfim elas continuam a viver nas ruas e parecem acostumadas com a condição de vida para assim tentar viver "melhor".

INSPEÇÃO VEICULAR - QUATRO CIGARROS

Em São Paulo já é obrigada a inspeção veicular. É a verificação de quanto em percentual seu carro está contribuindo para aumentar cada vez mais a poluição pelo escapamento. Dados indicam que respirar o ar de São Paulo equivale a fumar quatro cigarros ao dia.

quarta-feira, julho 16

LEI SECA - 20 DE JUNHO/2008

O uso abusivo do álcool:
Milhões de pessoas ou mais no mundo são dependentes desta droga. Estas pessoas ficam sujeitas a conseqüências negativas como detenções, acidentes automobilísticos, violência, lesões ocupacionais e efeitos deletérios sobre o desempenho profissional e à saúde.
O uso abusivo do etanol corresponde ainda a um problema significativo na saúde pública, seja como droga recreativa ou como droga objeto de uso.

Estima-se que 17.500 mortes, em transito, são causadas por motoristas alcoolizados. Isso representa em torno de 50% das mortes ocorridas anualmente num valor de 35.000.
Faz dez anos e alguns meses que a primeira lei entrou em vigor, em janeiro de 1998. Esta antiga lei não estava funcionando bem como deveria. Primeiro, era pouco cobrada pelas autoridades e segundo, uma pesquisa realizada por dois médicos Ronaldo Laranjeira e Sérgio Duailibi chegou a uma conclusão que somente 15% dos motoristas tinham conhecimento do limite de ingestão de álcool permitido.

Com 0,2 g/L (20 mg/dl) de álcool no sangue, o que representa ingerir uma latinha de cerveja, ou uma taça de vinho, ou um copo de 30 ml de destilado. Um indivíduo de aproximadamente 70 kg. Segundo vários livros de farmacologia, a droga na concentração 50 mg/dl já provoca várias alterações que comprometem os reflexos da direção defensiva nas estradas como: processos de pensamento, discriminação fina, raciocínio e a função motora.

terça-feira, julho 15

O Bom ou O Ruim

O Bom ou O Ruim

Tudo o que é Bom é ou não Ruim?
Ambos incomodam as pessoas?
Provocam sentimentos e despertam interesses.
O que é Bom na vida causa admiração?
Saltam os olhos?
E o ruim também não?
O Bom é tão contagiante que incomoda os mais desinteressados.
O Bom e O Ruim causam espanto.
Comovem?
Ambos despertam algo: ou Bom e ou Ruim,
Sendo assim o importante é que incomode as pessoas.

terça-feira, julho 8

FÉ (Provérbios 3 5 e 6)

Confia no senhor de todo o teu coração e não apóies na tua própria prudência, Pensa nele em todos os momentos e ele conduzirá teus passos

LINHAÇA - ESTROGÊNIO

Os benefícios desta sementinha que está sendo muito estudada pelo mundo a fora são muitos. Pesquisas recentes têm como descoberta, uma nova ação para a mesma, possui atividade anti-estrogênica. O que isso significa para nós mulheres principalmente?. Numa dieta com estas sementinhas em mulheres saudáveis, os ciclos ovulatórios tiveram uma fase lútea mais longa, isto sugere que a relação da dieta e ação dos hormônios femininos como o citado, pode então a linhaça ter um papel específico entre a dieta e cancer de mama. Um outro fato é quando entramos na menopausa, precisamos do hormônio estrogênio, que este por sua vez não é mais produzido em nosso organismo a partir de então; através da ingestão contínua de medicamento que repõem este hormônio, importante para mulher, com o uso constante da medicação, muitas mulheres podem correr o risco de denvolver tumores estrógenos dependentes. Por isso a importância do acompanhamento do ginecologista, mastologista, endocrinologista e terapia nutricional. A linhaça no caminho do tratamento nutricional, pode beneficiar através da prevenção ou seja pode propiciar a não formação destes tumores.

Tradução

GLOB

Pensador.info

Adscense